Quadro Ideal

 em Iluminação

Saiba escolher o ideal para compor a decoração

Texturas e cores diferentes na parede não bastam não é mesmo? Para deixar a casa bonita, aconchegante e com um toque a mais, é necessário pensar na decoração do ambiente, complementando o local com telas, gravuras, esculturas, fotografias e muitos outros itens que transformam um espaço comum em um lar.

Embora não exista uma regra específica, algumas dicas podem facilitar no momento de adquirir a obra de arte, já que em meio a tantas opções, torna-se comum o surgimento de dúvidas na hora de escolhê-los.

Inicialmente, é preciso reforçar que esse espaço irá expressar sua personalidade, já que ele deve refletir para a família e amigos a identidade de quem mora ali. Nesse estágio, o mais importante é lembrar que a arte é livre, e que os quadros não devem combinar com a mobília, mas sim, revelar os tons e as cores que você aprecia.

Na segunda etapa, o essencial é definir onde o quadro será pendurado. Respeite à proporção que ele irá ocupar no cenário e gere sincronia entre a obra escolhida com os demais elementos. Se sua parede for larga, decida por um quadro horizontal, agora se ela for estreita, entenda que ela exige uma obra na vertical.

Em paredes estreitas, prefira obras na vertical, para gerar sincronia entre a proporção e os elementos

Em contrapartida, se sua parede for larga, opte por quadros na horizontal

Se a pintura for muito pequena, observe que ela irá se perder em meio as outras informações, na medida que se ela for muito grande, irá ofuscar o restante da decoração. Com isso, escolha o ideal, e gere essa integração de estilos no ambiente.

Para não ofuscar a decoração com quadros grandes, construa um ambiente clean e permita que a estrela seja a arte escolhida

Caso o quadro escolhido seja pequeno, aposte na tonalidade das cores e evidencie os detalhes para que ele tenha destaque na decoração

Não conseguiu escolher apenas um e deseja montar uma composição com tamanhos e formas diferentes? Então verifique onde está o eixo central da parede, veja quantas telas ela comporta e disponha de forma assimétrica um por cima e outro por baixo. No fim, você terá um ambiente inspirador, harmônico, alinhado e personalizado.

Com relação ao tema da disposição, a diretriz é usar várias obras com a mesma temática, ou eleger estilos diferentes que tenham a mesma moldura. Desse modo, o visual fica mais agradável e a arte conversa entre si concedendo glamour e charme.

Ao montar uma composição, prefira obras com a mesma temática, ou faça uso de estilos diferentes que tenham a mesma moldura

Caso sua decoração seja mais colorida, pense em manter o equilíbrio utilizando quadros com paleta de cores neutras e tonalidades frias. Se o seu lar for off-white, opte por trabalhos mais coloridos para ofertar vivacidade.

Obras de arte coloridas ofertam maior vivacidade em ambiente neutros

Sem a iluminação adequada, você também não conseguirá destacar os pontos do décor. Observe a incidência de luz no cenário (natural e artificial), para não esconder a tela ou queimar a pintura. Caso a moldura tenha vidro, tenha o cuidado de não refletir a luminária. Prefira arandelas com movimentos ajustáveis e situe-a acima ou ao lado da obra de arte.

Com a luz ajustável, é possível criar ponto de destaque sobre a obra e o ambiente

Na hora de fixar o quadro na parede, é comum posicioná-lo na medida de 1,60m a partir do piso, para que o ajuste fique na altura dos olhos de quem o vê. No entanto, existem diversificadas formas de instalar os quadros na decoração, como exemplo:

Pousando-os sobre prateleiras, apoiando-os na parede, entre uma gama de opções.

A única regra mesmo, é fazer com que sua casa tenha na essência encanto e originalidade.


E você, quer visitar e conhecer a galeria e o showroom de iluminação da Pier Light and Art?

Envie um Whatsapp para (11) 9.4542-8756 ,ou então, um inbox em nosso Facebook/Instagram.

Faça  parte desse grupo seleto de clientes e conheça nossas peças no site!!!

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário